Assistência Social


O SIAS — Sistema de Informação de Assistência Social é um software desenvolvido com o objeto qualificar a gestão e os serviços sócio assistenciais desenvolvidos pela política de assistência social, no âmbito municipal. O sistema organiza e gerencia dados e informações dos atendimentos a indivíduos e famílias nos níveis de proteção básica e especial realizados pela rede sócio assistencial pública e privada.

Assistência Social


O SIAS — Sistema de Informação de Assistência Social é um software desenvolvido com o objeto qualificar a gestão e os serviços sócio assistenciais desenvolvidos pela política de assistência social, no âmbito municipal. O sistema organiza e gerencia dados e informações dos atendimentos a indivíduos e famílias nos níveis de proteção básica e especial realizados pela rede sócio assistencial pública e privada.


• A utilização do SIAS qualifica a atuação das equipes profissionais, pois automatiza a metodologia de cadastramento socioeconômico, a integração das -umidades de atendimento e serviços, agenda de rotinas e procedimentos, padroniza documentos da prática profissional, e outras funções relacionadas ao processo de trabalho na execução da política de assistência social.

• O Sistema permite que os dados sejam agrupados em categorias, que resultam numa série de indicadores de análise da realidade local, auxiliando no planejamento, execução e acompanhamento da política de assistência social.

•Além de estar em consonância com as orientações da Política Nacional de Assistência Social e outras diretrizes de regulação normativa e técnica, o SIAS contribui para a elaboração de relatórios de gestão e diagnósticos sociais para dar suporte a área de Vigilância Social.

•Para os gestores municipais e suas equipes, o SIAS possibilita a visão das áreas com maiores indicadores de vulnerabilidades ou potencialidades sociais, dando suporte ao gestor no processo de tomada de decisão.

•É uma ferramenta tecnológica que produz modernização e agilidade nos atendimentos a população, favorecendo ao alcance de desempenho profissionais produtivos, dinâmicos e eficientes.

VANTAGENS DE INVESTIR NA AQUISIÇÃO DO SIAS



•Favorece no controle de atendimento e diminui o tempo de espera do usuário/família.

•Organiza o atendimento na rede socioassistencial, por meio da comunicação ágil, integrada e sociolizadora de informações entre as equipes das unidades de referência.

•Alimenta as equipes dos serviços e gestão com informações pontuais que orientam análises sobre territórios com condicionamentos a vulnerabilidade/riscos sociais.

•Possibilita o monitoramento da inclusão de indivíduos/família nos serviços, bem como de sua participação nas atividades, programas e projetos sociais.

•Permite ao gestor avaliar o desempenho da sua equipe e propor estratégias de melhoramento de resultados.

•Disciplina os procedimentos internos de organização do processo de trabalho das equipes, pois contribui para uma cultura de cuidados e registro de informações.

ASPECTOS RELEVANTES



•A proposta da ferramenta para o cadastramento socioeconômico de indivíduos e famílias assemelha-se a metodologia de coleta de informações do Cadastro Nacional para programas Sociais- CAD Único, o que facilita a importação de dados. Contudo, amplia-se com informações adicionais necessárias ás equipes para realizarem os estudos e diagnósticos familiares.

•O acesso a determinadas funcionalidades do sistema pode ser limitado por perfis de usuários (recepcionista, assistentes sociais, gestor e outros.) e/ou de acordo com a permissão da gestão.

•A ferramenta disponibiliza modelos de documentos de registro da prática profissional necessários ás equipes de referências.

•O sistema permite acompanhar a evolução dos atendimentos ao indivíduo/família, armazenado o histórico do processo socioassistencial nos serviços.

•Permite ao gestor avaliar o desempenho da sua equipe e propor estratégias de melhoramento de resultados.

•Através das informações ineridas, produz relatórios necessários ao monitoramento de indicadores, inclusive os da Resolução CIT n°4/2011, atualizada pela Resolução CIT n°20/2013

×